Sobre ‘O Bardo na Taverna’

Vocês devem saber que escrevo semanalmente um livro-série chamado O Bardo na Tavernanão? Pois é, decidi postar aqui de onde surgiu essa estória. Vamos lá!

O Bardo na TavernaSempre fui apaixonado pela ideia de escrever contos que passassem em um tempo anterior daquele que se passa As Crônicas Eternas. Eu tinha esse personagem, Lewrence de Pontavelha, há muito tempo em minha mente, conseguia até sentir o cheiro de seus cabelos e ouvir o timbre de sua voz. Mas ele ficou muito tempo aqui, na minha cabeça, até que eu encontrei o lugar certo para dar vida ao Bardo: uma estória que se passa 160 anos antes do livro que estou escrevendo, A Cor da Morte. 

A trama começa quando Lewrence está em uma taverna, calmamente bebendo sua cerveja, e então um homem misterioso, conhecido apenas por ser um assassino cruel, escolhe o Bardo para um joguinho no mínimo doentio: ele propõe que Lewrence lhe conte uma história, e ameaça tirar sua vida, caso as palavras do Bardo não lhe agrade. Lewrence então, sendo um rapaz bastante esperto, escolhe a melhor história que conhece: Uma história de Necromantes, homens que são capazes de dobrar a morte sobre sua vontade.

É uma saga que cresce semanalmente, por isso é preciso se manter em dia com o Blog e com minha página no Facebook, pois lá posto sempre as novidades do que vou escrevendo.

Clique AQUI para ler o Bardo na Taverna ou AQUI para curtir minha página. 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s